Poemas participantes da enquete ( Em teste )

13 de setembro de 2013

Permissões a um poema lúdico



Um dia quando eu rabiscar 
páginas brancas em branco
Talvez escorregue pelos
meus dedos um poema.
Que seja de amores...
Mas que  não seja banal.
Um poema construído
com letras ou simples traços,
ou  rabiscos ilustrados.
Mas que seja poema.
É... talvez  um dia eu escreva 
um poema dramático
mesmo sabendo que
será logo esquecido
Junto com todo  lodo simpático
Num  caderno velho amarelecido.
Talvez seja poema escrito à margem
Numa folha avulsa, 
sem linhas, sem ponto no final.
Um poema normal, 
pulsátil, versátil, versado.
Poema encomendado
por um sujeito formal.
Pode ser que um dia 
escreva um poema sóbrio
Ou um poema sensual
cheio de eufemismos
para disfarçar o óbvio
ou o ópio etc e tal.
Pode ser que eu escreva 
se houver quem o leia
Pode ser que eu escreva na areia.
Pode ser que um dia eu escreva 
Um poema que ascenda às estrelas
Pedindo pra brilhar com elas.
Um dia escreverei um poema
Anônimo, sinônimo de alguém.

3 comentários:

  1. "É... talvez um dia eu escreva
    um poema dramático
    mesmo sabendo que
    será logo esquecido
    Junto com todo lodo simpático
    Num caderno velho amarelecido.
    Talvez seja poema escrito à margem
    Numa folha avulsa,
    sem linhas, sem ponto no final.
    Um poema normal,
    pulsátil, versátil, versado.
    Poema encomendado
    por um sujeito formal."

    ADOREI, Pea. Muito bom mesmo.

    Um beijo para ti!

    ResponderExcluir
  2. Um dia, tua alma poética percorrerá todos os caminhos - de ida e de volta -, para encontrar, não o ponto final, as reticências de mais um poema, que revela, nas palavras, o que não tem nome, nem sinônimo... um dia, você, poetisa da vida, encontrará, no meio da tua poesia, o mais lindo espelho... beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhh, minha querida amiga, tão gostoso teu comentário.

      bjsssssss

      Excluir

Quem sou eu

Gosto de escrever. Escrever para mim é uma necessidade, uma cura. Escrever é um ato de extrema entrega, é de dentro pra fora. Escrevo por urgência, escrevo por amor e com amor. Sou imediatista, intensa, e sonhadora! Defeitos? Tenho muitos, incontáveis talvez; melhor nem dizê-los.; Tenho uma alma sonhadora. Sonho, e como sonho...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...